Marias



5 Comentários

Vanessa Dourado

segue Maria
que o hoje não é ontem
e por mais que lhe contem
não deixe que lhe tomem
a alegria
a dignidade
a cantoria
a lealdade
sê justa com as outras
que feito ostras
morreram roucas
vá de grito nas cordas
vá que já é hora
do mundo amanhecer
segue Maria
de mundo nas costas
seguindo suas rotas
chorando as mortas
a louca
a preta
a lésbica
a puta
sê justa consigo
que sem sigilo
sofre com o ruído
vá de peito para fora
vá que já é hora
de um novo mundo fazer

Vanessa Dourado é professora por formação e poeta de coração


5 Replies to “Marias”

  1. sikikspor disse:

    Thank you very much for the content. I wish you continued success.

  2. Im not able to view this website properly on firefox I believe theres a drawback

  3. u5y4et disse:

    This is tough. Im not pointing fingers at you though, really I think its everyone else that is responsible.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *