manifestos pandêmicos (II)



0 Comentários

/// Veja aqui manifestos pandêmicos (I). A poeta Giulia Lorenzini Nogueira alimenta o perfil @giubicidades. 

manifestos pandêmicos (I)



0 Comentários

/// A poeta Giulia Lorenzini Nogueira alimenta o perfil @giubicidades. 

um poema quando nasce esparrama pelo chão



0 Comentários

  livros de poesia amuletos panfletos etc talhados um a um   pelo silêncio-princípio inconformado da sua própria capa cidade   não almejam servir-lhe de portas abertas   menos ainda

para ser uma artista



0 Comentários

– desconsidere tudo o que você já ouviu sobre artistas  – faça amizade com a tempestade e as outras coisas que ela traz  – escute o que o barulho do