Mucuripe: Uma homenagem a Chico Albuquerque



0 Comentários

Drawlio Joca é fotógrafo (www.flickr.com/photos/drawliojoca) Leia também: A Memória do Tempo

Odisseu



0 Comentários

    (Foto e texto: Ramon Sales)   Basta manter-se de pé. O mar é o de menos. Ramon Sales é uma busca pela poesia do cotidiano – http://instagram.com/ramonsales  

Centro Invisível



0 Comentários

Drawlio Joca é fotógrafo  (www.flickr.com/photos/drawliojoca)

“Ferro, Fogo e Força”



0 Comentários

Drawlio Joca Em febre e olhando os motores como a uma Natureza tropical –  Grandes trópicos humanos de ferro e fogo e força –  Canto, e canto o presente, e

Baobá



0 Comentários

Drawlio Joca Certamente este é dos raros existentes no Ceará – e no Brasil – e uma de suas espécimes mais imponentes na força de sua já secularidade. Árvore mítica,

A Fortaleza



0 Comentários

Drawlio Joca Drawlio Joca é fotógrafo (www.flickr.com/photos/drawliojoca)

A Memória do Tempo



26 Comentários

(Foto: Chico Albuquerque) Drawlio Joca 12 de setembro de 1894, rua Paraíso, célebre bairro de Santa Teresa no Rio de Janeiro. Nasce o dono da chamada voz orgulho do Brasil.

Anúncio



0 Comentários

E o carnaval chega queimando o tapete de boas vindas. Ramon Sales é uma busca pela poesia do cotidiano – http://instagram.com/ramonsales



0 Comentários

Ficava sozinha no campo, sempre. Preferia a solidão pra bailar com as nuvens. Ramon Sales é uma busca pela poesia do cotidiano – http://instagram.com/ramonsales

Maestro



0 Comentários

Sonhava com o mar, que nunca tinha visto. Pra cada onda que pulava em sonho, uma nuvem a mais rasgava o céu real. Ramon Sales é uma busca pela poesia do