(Podcast) Mitocôndria #2 entrevista Ellen Francisco // Na fila do SUS



0 Comentários

Arte: Lara Albuquerque

Há quatro dias, quando gravamos este podcast por chamada digital, tínhamos 5.000 casos de COVID-19 no Ceará. Hoje, no dia 29 de abril, ao lançarmos nas plataformas, já havia dois mil casos a mais. É até difícil pensarmos apresentação para conversas tão difíceis.

A pesquisadora em saúde pública e especialista em saúde da família, Ellen Francisco,  nos conta que, independente do cenário, é preciso defender a efetivação do Sistema Único de Saúde (SUS) e denunciar o desmonte dele.

A web série Na fila do SUS “começa  como uma proposta de documentário”. Ellen reflete que o SUS é subfinanciado desde o surgimento dele em 1988. No entanto, a partir de 2016, este desmonte vem se intensificando com a emenda constitucional nº 95, também conhecida por “teto dos gastos”.

“Sem o SUS é a barbárie”

A crise econômica e a violência militar do Estado brasileiro precarizam as condições de vida e aumentam a dependência da população do SUS. Em meio a esta situação, surge a ideia de documentário audiovisual que, devido ao contexto de pandemia, é transformado em web série.

O SUS se encontra em coalizão.  Quem defendia a privatização do sistema, hoje encontra nele a salvação. De acordo com Ellen, esta mudança não reflete o que aconteceu até aqui. “O Mandetta (ex-ministro da saúde) dizia em 2018 que o SUS era muito pesado, que o SUS ia precisar pagar pelos seus serviços, que era impossível manter o SUS, mas quando a gente se depara com uma pandemia, a população toda espera uma resposta”.

“São duas lógicas absolutamente diferentes. Enquanto os planos de saúde são geridos por empresas internacionais, como a Qualicorp e a Americas Health,  essas empresas estão falando de contratos de gestão, eles não estão tratando casos de saúde. Para eles, a questão é bancária. Para o SUS não, tem que dar resposta a necessidade de saúde das pessoas”.

São seis episódios temáticos: O povo da rua; Mulheres indígenas; Favela: nós por nós; COVID 19; Sistema Único de Saúde e Uberização da Vida. Os três primeiros já foram lançados, e os últimos serão distribuídos até o fim de maio. A segunda edição da Mitocôndria conversa sobre os processos de pesquisa e produção da web série e sobre a construção do futuro documentário.

No quadro FAZ TEU NOME, escutamos o Vito Ribeiro contar como surge a plataforma Bombozila. A web série Na fila do SUS é uma produção exclusiva da Bombozila que concentra documentários de toda a América Latina e promove oficinas, ações e projeções comunitárias como a Semana da Soberania Audiovisual.

Escute o segundo episódio da Mitocôndria no Spotify aqui.

Assista aos episódios da web série Na fila do SUS aqui.

A Bombozila está puxando uma vakinha para ajudar na produção do DOC. Dá um salve!

Já bebeu água hoje?

//


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *