O impeachment e a política: por trás das aparências, decantam as mesmas práticas



0 Comentários

Enquanto a militância chorava o seu impedimento, Dilma “jogava” a política real no Senado (Foto: Agência Senado) Por Artur Pires artur@revistaberro.com “Sob as oposições espetaculares esconde-se a unidade da miséria. A

Aurora de sonhação: As raízes de um mundo novo



0 Comentários

artur@revistaberro.com Intolerância racial, religiosa, étnica, política e de gênero; mulheres sendo mortas por serem… mulheres; homossexuais sendo mortas(os) por serem… homossexuais; indígenas e agricultoras(es) sendo massacradas(os) e expulsas(os) de suas

Para além da Matrix (ou Ensaio sobre a Liberdade)



0 Comentários

Por Artur Pires Inflação galopante (leia-se arroz e feijão mais caro), ajuste fiscal (leia-se arrocho salarial, desemprego em massa e ataques aos direitos trabalhistas), energia elétrica em níveis estratosféricos, superávit

Cidade para quem? Salve-se quem puder!



44 Comentários

artur@revistaberro.com Você aí, que mora num grande centro urbano, já parou para perceber a dinâmica de sua cidade? Certamente ela é violenta, desigual, poluída, tem um trânsito caótico, há pessoas

Córagi, dinhêro i bala



0 Comentários

(Ilustrações: Klévisson Viana, na HQ Lampião… Era o cavalo do tempo atrás da besta da vida; 1998, SP, Hedra) Das reminiscências infantis, do início dos 90, guardo com gosto doce

A revolução das consciências



0 Comentários

(Arte: Luis Quilles) Por Artur Pires O que fazer quando todas as factualidades levam ao completo descrédito na política brasileira? O que fazer quando “políticos” sem nenhum estofo ético, suspeitos

Crônicas da Cidade: Ou vai… ou racha!



0 Comentários

(Foto: #VaiTerCampinho, de Gabriel Gonçalves) Artur Pires Não, o título acima decididamente não faz alusão a nenhuma necessidade iminente de decidir-se sobre algo, de optar por algo ou qualquer coisa

A violência legitimada e a seletividade midiática*



0 Comentários

(Charge: Latuff) Por Artur Pires Anote aí: ainda hoje, em qualquer noticiário midiático da imprensa empresarial, de qualquer parte do Brasil, você, leitor/ouvinte/telespectador/internauta, tomará ciência de, no mínimo, mais um

O apartheid brasileiro não acabou



0 Comentários

(Charge: Alpino) Por Artur Pires Imagine aí a situação: você é negro e pobre, nasceu e cresceu numa favela. Em toda sua vida, dentre as opções de lazer, ir ao shopping nunca

A concentração midiática e a negação da vida real*



2 Comentários

Por Artur Pires Os meios de comunicação são, nos dias atuais, uma ferramenta imprescindível na disputa por posições no campo da hegemonia ideológica e, obviamente, de manutenção da ordem vigente.